Sibutramina: Tire suas principais dúvidas essa droga usada no emagrecimento

Imagem de destaque do Artigo: Sibutramina: Tire suas principais dúvidas essa droga usada no emagrecimento
30/11

A sibutramina é uma das drogas mais prescritas no Brasil quando o assunto é tratamento para obesidade. Saiba mais sobre essa droga emagrecedora e tire suas principais dúvidas relacionadas a ela. Saem as anfetaminas, entra a sibutraminaDesde que houve a retirada das anfetaminas do mercado, a sibutrami...

A sibutramina é uma das drogas mais prescritas no Brasil quando o assunto é tratamento para obesidade. Saiba mais sobre essa droga emagrecedora e tire suas principais dúvidas relacionadas a ela.

Saem as anfetaminas, entra a sibutramina

Desde que houve a retirada das anfetaminas do mercado, a sibutramina ganhou espaço, já que entre as drogas emagrecedoras ela é a que mais se aproxima dos efeitos emagrecedores das anfetaminas. Porém, diferente dessas últimas, apresenta menos efeitos colaterais.

Quando a sibutramina foi sintetizada e lançada no mercado não era com o intuito de emagrecer, mas sim para atuar como um antidepressivo em pacientes com este tipo de problema. Isso ocorria devido ao fato de a droga aumentar os níveis de serotonina no organismo. A partir da utilização da sibutramina, foi percebido que havia um potencial efeito emagrecedor a partir do seu uso. Por isso, em 1999 ela foi lançada no mercado com esse intuito. No início, o valor era muito alto, o que foi mudando ao longo do tempo e tornando-a mais acessível.

Como se dá a atuação da sibutramina no organismo?

A sibutramina não atua na liberação de adrenalina, como ocorria com as anfetaminas. Ela tem o efeito de inibir a receptação de alguns neurotransmissores, que são a serotonina, a noradrenalina e da dopamina. Como isso ocorre na prática? Esses hormônios desempenham funções de saciedade, bem-estar e de melhora na cognição. Após a liberação essas substâncias são rapidamente degradadas por enzimas. A sibutramina age diminuindo a velocidade de degradação desses neurotransmissores para que eles possam agir por mais tempo. Como a serotonina é o hormônio ligado ao controle do apetite, essa ação faz com que haja um aumento na sensação de saciedade. Além, é claro, de aumentar a sensação de bem-estar, o que é importante para os pacientes que são obesos e depressivos.

Quais são os efeitos colaterais dessa droga?

Em relação ao efeito da noradrenalina, esse neurotransmissor gera um aumento na atividade metabólica no organismo. No entanto, o aumento da ação desse hormônio possui também alguns efeitos colaterais. Esses efeitos incluem taquicardia, boca seca, insônia, constipação intestinal, dores de cabeça, irritabilidade, além de um maior nível de ansiedade em pessoas que sofrem do problema. Esses efeitos colaterais podem ser significativos para algumas pessoas, por isso, é necessário selecionar bastante os pacientes que podem tomar este tipo de droga. Há também relatos na literatura médica de doenças cardiovasculares ligadas ao uso da sibutramina.

Drogas emagrecedoras: quando utilizar?

É importante lembrar que o uso de medicamentos para emagrecer deve ser feito apenas em último caso. Uma reeducação alimentar, a prática de atividades físicas e bons hábitos de vida são formas muito mais saudáveis de reduzir a gordura corporal. No entanto, em casos em que os pacientes necessitam do medicamento, é necessário um acompanhamento médico rigoroso para que a utilização seja feita de forma correta.

Quem pode utilizar a sibutramina?

Para evitar qualquer tipo de problema é necessário que o médico analise o histórico do paciente e veja os prós e contras de prescrever esta medicação. Por isso, pacientes que possuem problemas como hipertensão, diabéticos com risco cardiovascular e mulheres com histórico de doenças tromboembólicas devem evitar o uso dessa substância.

Lembre-se que nenhum tipo de droga faz milagre, portanto, o uso da sibutramina sozinha não fará com que o paciente tenha bons efeitos. É necessário que o indivíduo se alimente de forma adequada, pratique atividade física e tenha um estilo de vida saudável.

Para ler mais sobre drogas emagrecedoras e seus efeitos no organismo não deixe de acompanhar outros artigos no meu blog: www.paulaleal.com.br

Drª. Paula Leal, CRM 93528.

Já conheçe nosso perfil do Instagram?