5 dicas de suplementação no esporte

Imagem de destaque do Artigo: 5 dicas de suplementação no esporte
19/01

Os suplementos alimentares são produtos que atuam como um complemento da alimentação, apresentando efeitos positivos tanto na saúde do indivíduo quanto na prática de atividades físicas.Além de fornecer nutrientes que auxiliam o organismo a realizar suas funções corretamente, os suplementos ajudam a potencializar os resultados dos treinos,...

Os suplementos alimentares são produtos que atuam como um complemento da alimentação, apresentando efeitos positivos tanto na saúde do indivíduo quanto na prática de atividades físicas.

Além de fornecer nutrientes que auxiliam o organismo a realizar suas funções corretamente, os suplementos ajudam a potencializar os resultados dos treinos, dando mais energia, acelerando o metabolismo, entre outros. Abaixo você confere algumas dicas de suplementação no esporte:

1. Suplementos Proteicos

O famoso Whey Protein entra nesse grupo e traz em sua composição uma proteína retirada do soro do leite, que é rapidamente absorvida pelo organismo. Os suplementos de proteínas ajudam na recuperação após os treinos e também aumentam o rendimento durante a prática, pois as proteínas atuam diretamente na recuperação e crescimento dos músculos. É possível encontrar vários tipos desse produto, inclusive sem lactose, por isso, é importante contar com a orientação de um profissional para orientar quanto a melhor opção para você. Deve ser tomado em jejum, antes ou depois da atividade física.

2. Termogênicos

São compostos por substâncias capazes de acelerar o metabolismo e, consequentemente, acelerar a quebra das moléculas de gordura, e que podem fazer você emagrecer mais rápido, desde que esteja obviamente com uma dieta adequada. Eles ainda garantem mais energia para os treinos de força ou aeróbicos, melhorando sua performance. Os termogênicos mais conhecidos são a cafeína e o guaraná. Seu consumo deve ser orientado com cautela, considerando as necessidades individuais de cada paciente, pois alguns podem apresentar efeitos colaterais quando excedem seu limite.

3. Glutamina

A glutamina é um aminoácido que auxilia no processo de crescimento muscular ao estimular a síntese de proteínas. Esse aminoácido é o mais abundante no sangue e em forma de suplementação melhora a imunidade e aumenta a absorção de nutrientes, porque atua na parede intestinal. Além disso, poupa o tecido muscular e ajuda no seu crescimento.

4. BCAA (Branched Chain Amino Acids ou Aminoácidos de Cadeia Ramificada)

Esse suplemento é composto por 3 aminoácidos essenciais (isoleucina, valina e leucina), que não são produzidos pelo nosso corpo, por isso precisam ser ingeridos através de alimentação e suplementação. Muito consumidos, os BCAAs ganharam fama justamente pela sua eficácia, resultado da sua metabolização que é feita nos músculos, e não no fígado, garantindo mais energia em treinos longos. Esse suplemento alimentar aumenta a força, ajuda a proteger os músculos e evitar lesões e auxilia na recuperação muscular. 

5. Creatina

Também composto por aminoácidos, esse suplemento reduz a fadiga muscular e aumenta a resistência, melhorando o rendimento dos treinos. A suplementação pode fazer com a concentração desse composto nos músculos chegue a 20%, o que garante mais força muscular, treinos mais intensos e o ganho de massa magra.

Esses suplementos podem auxiliar bastante na prática de atividades físicas, garantindo que o corpo tenha o aporte de nutrientes necessários, ajudando na perda de gordura e aumentando a massa magra. Entretanto, só devem ser utilizados com a orientação de um endocrinologista ou nutricionista.

Gostou da matéria? Então confira outros artigos do site e curta nossas páginas nas redes sociais para continuar acompanhando todas as nossas dicas e publicações!

Drª. Paula Leal, CRM 93528.

Já conheçe nosso perfil do Instagram?