Quais os prós e contras de praticar exercícios aeróbicos em jejum?

Imagem de destaque do Artigo: Quais os prós e contras de praticar exercícios aeróbicos em jejum?
14/10

Na hora de praticar exercícios aeróbicos muita gente tem aquela dúvida: devo ou não me alimentar antes de começar? Isso porque a prática deste tipo de atividade em jejum, conhecida como AEJ, é muito utilizada por pessoas que querem perder peso rapidamente. Porém, existem prós e contras de praticar e...

Na hora de praticar exercícios aeróbicos muita gente tem aquela dúvida: devo ou não me alimentar antes de começar? Isso porque a prática deste tipo de atividade em jejum, conhecida como AEJ, é muito utilizada por pessoas que querem perder peso rapidamente. Porém, existem prós e contras de praticar exercícios desta forma. Saiba quais são os motivos.

Para que servem os exercícios aeróbicos

Além do benefício de eliminar gordura do corpo, as atividades aeróbicas como correr, dançar, nadar e andar de bicicleta ajudam no bom funcionamento do organismo e no ganho de massa muscular.

Prós de praticar exercícios aeróbicos em jejum

Um dos lados positivos de realizar exercícios aeróbicos em jejum é que isso favorece a economia de glicose no corpo, levando a uma maior mobilização da gordura durante a atividade física. Com isso, teoricamente, o corpo utilizaria suas reservas de gordura para gerar energia.

Outro benefício é que o jejum estimula a produção do hormônio do crescimento, o GH. Esse hormônio ajuda a queimar gordura e manter a massa magra no corpo.

Contras de praticar exercícios aeróbicos em jejum

A prática de atividade física traz uma demanda metabólica elevada no nosso corpo. Por isso, é importante ter em mente os prejuízos de se fazer exercícios em jejum.

Um dos principais problemas está relacionado ao nosso sistema nervoso central. Isso porque em condições de glicemia baixa o seu funcionamento pode ficar afetado, já que o sistema nervoso utiliza a glicose como substrato energético. Sendo assim, a prática de exercícios aeróbicos em jejum pode gerar sintomas de hipoglicemia, como enjoo, tonturas e confusão mental. Até mesmo um desmaio ou graves lesões neurais podem ocorrer, por isso, é preciso ter muita atenção e autoconhecimento do nosso corpo.

Outro problema é que, ao verificar a pouca quantidade de energia, nosso organismo pode se poupar ainda mais. Isso significa que ele pode brecar a queima de gordura, fazendo o inverso do que desejamos.

Um dado importante é que diversos estudos mostram que a prática de exercícios aeróbicos em jejum tem pouca diferença em relação à prática após uma alimentação adequada.

Afinal, posso fazer os exercícios em jejum?

Se ao olhar para os prós e contras você optar por fazer exercícios aeróbicos em jejum é preciso tomar alguns cuidados. Um deles é evitar fazer exercícios muito pesados. Outro é preferir fazer a atividade de manhã e não se esquecer de tomar água antes e depois do treino. Aos primeiros sinais de desconforto, pare os exercícios imediatamente.

É importante também não realizar exercícios em jejum todos os dias, para evitar problemas no organismo. Faça sempre as atividades em dias alternados.

Outra dica importante é cuidar da alimentação, evitando uma dieta rica em calorias.

Os cuidados com a atividade física

Não se esqueça de que antes de iniciar qualquer atividade física é importante realizar exames para verificar como está a sua saúde. Pessoas com problemas cardíacos ou hormonais precisam de acompanhamento médico antes de iniciarem qualquer prática esportiva.

No caso da AEJ é importante um acompanhamento para realizar os exercícios da forma correta, evitando um desgaste do organismo. E claro o acompanhamento com o nutricionista é muito importante.

Se você quer saber mais sobre atividades aeróbicas leia outros posts em meu blog.

Drª. Paula Leal, CRM 93528.

Já conheçe nosso perfil do Instagram?